Central de Atendimento
42 3220-2666
Ponta Grossa – PR
11 3606-5700
São Paulo – SP

Blog

Sistemas de Picking com automação

A automação tem que ser pensada em cada detalhe, pra que o conjunto funcione com a sincronia

 

Quando você precisa ir ao banco, pagar uma conta, o que é mais rápido: passar no autoatendimento ou ir à boca do caixa? Fácil, né?! A primeira opção, claro. E na hora de voltar pra casa, o que leva menos tempo: descer do carro pra abrir o cadeado ou usar o controle pra ativar o portão automático? Não precisa nem responder. Automação: taí uma palavra que passou a fazer parte do nosso dia a dia de um jeito que é até difícil pensar na vida “analógica” de antigamente. E olha que estamos falando de soluções mais simples, que já deixaram de ser novidade já há algum tempinho.

Agora imagina na indústria, em que cada minuto economizado representa redução de custos… A automação tem que ser pensada em cada detalhe, pra que o conjunto funcione com a sincronia de uma orquestra de esteiras, roletes e braços robóticos!

Neste post, a gente fala das tecnologias de automação da Águia Sistemas: são soluções pra picking de baixo e alto giro; expedição com sorter com classificadores pra baixa e alta demanda; sistemas de conferência por meio de balanças ou sistemas de visão, além de linhas de abastecimento. Tudo pra garantir mais produtividade na operação intralogística.

 

Eficiente pra empresa e funcionário

Quando a gente fala que tempo economizado é recurso a mais no caixa da empresa não é à toa, não. Você sabia que de 30% a 40% dos custos de um armazém estão relacionados diretamente ao picking (separação e preparação de pedidos)? E que 60% do tempo de todo esse pessoal que trabalha na função são gastos pra movimentar mercadorias manualmente?

 

É aí que entram os equipamentos da Águia Sistemas. Isso porque o operador não precisa ir até a caixa: é a caixa que vai até ele, num arranjo configurado previamente e que pode ser complementado com comando de voz (picking by voice) ou alertas luminosos (picking to light). Ganha a indústria, que reduz custos, e o próprio trabalhador. Nos Estados Unidos, por exemplo, são 350 mil pessoas afastadas ao ano no setor por contusões musculares e de ligamentos. Com os transportadores motorizados, a movimentação de gente carregando caixas pra cima e pra baixo diminui significativamente. Fora isso, eles são projetados com uma altura ideal, seguindo a NR17 e tornando a atividade muito mais ergonômica.

 

Refazer atividades? Nunca mais!

Basicamente, há dois fatores que represam uma carga num centro de distribuição: o tempo que o operador leva pra lidar com ela, como a gente disse anteriormente, e possíveis erros principalmente durante o picking, que acabam travando o processo. Imagine um funcionário conferindo item a item o que ele precisa ou não separar. O tempo pra terminar essa tarefa vai ser bem maior do que num arranjo automatizado, é claro, mas não só isso: a possibilidade de erro aumenta e muito. E aí, qual solução? Fazer tudo de novo? Não, né?!

 

O ideal é contar com o picking to light. Com ele, o operador não precisa checar toda hora na folha o que deve ser separado. A estrutura tem um sistema luminoso com display, que avisa com precisão a posição onde o picking precisa ser feito e a quantidade de material necessária. Feito isso, é só apertar o botão e, pronto, serviço feito! Caso aquela posição não tenha produto suficiente pra fechar o pedido, basta que o trabalhador informe no display o que já foi separado. Essa informação vai pra central, que verifica qual estação mais próxima têm estoque à mão. Já com o picking by voice, as orientações sobre o picking são repassadas por comando de voz. Assim, o funcionário ganha ainda mais agilidade, pois fica o tempo todo com as mãos livres. Na prática, os erros relacionados ao picking são praticamente eliminados, o que elimina também os custos pra refazer essas operações.

 

Além disso, pra ter certeza de que tudo vai funcionar como o esperado, o time da Águia Sistemas conduz os tryouts de todos os arranjos. É uma espécie de ensaio geral, que permite analisar projetos fora de padrão ou que possuem características especiais, que levantariam dúvidas sobre a performance. Os tryouts facilitam também a integração com equipamentos de outras companhias, antecipando possíveis problemas que poderiam acontecer na fábrica.

Ficou interessado em contar com a tecnologia da Águia Sistemas em sua empresa? Nossa equipe é especializada no desenvolvimento de plataformas personalizadas de acordo com as demandas do cliente, com a expertise necessária pra prever futuros desafios e flexibilizar, inclusive, a ampliação de armazéns. Os especialistas da Águia estão prontos pra tirar todas as suas dúvidas: entre em contato.