Central de Atendimento
42 3220-2666
Ponta Grossa – PR
11 3606-5700
São Paulo – SP

Blog

Quais os tipos de estruturas de armazenagem e suas aplicações?

Estruturas de armazenagem são instalações logísticas projetadas para a estocagem e movimentação de cargas em um armazém. São vitais para a otimização do espaço útil e, quando bem planejadas, diminuem os riscos de acidentes, reduzem custos operacionais e aumentam a margem de lucro da empresa.

Para isso, é preciso um bom planejamento considerando as necessidades da empresa. Ou seja, uma solução de estruturas de armazenagem deve ser feita de forma personalizada, após analisar os objetivos, produtos que serão armazenados, operações desenvolvidas e espaço físico disponível.

Uma das vantagens de um armazém bem planejado é contribuir para operações mais precisas, diminuindo os erros e aumentando a produtividade. Isso ajuda a empresa a atingir melhores resultados no lead time (tempo da coleta até a entrega) e, consequentemente, aumenta o nível de satisfação dos clientes.

 

Tipos de estruturas de armazenagem

São vários os tipos de estruturas de armazenagem que podem ser instaladas em um Centro de Distribuição (CDs) ou armazém. E como já falamos acima, a escolha correta depende das necessidades de cada empresa.

Conheça, a seguir, as principais soluções de armazenagem e movimentação de cargas que podem ser adotadas para o seu negócio.

 

Porta Pallets

Os porta pallets são as estruturas mais usadas atualmente em CDs e possibilitam um melhor aproveitamento de espaços, contribuindo para a verticalização do estoque. Como são estruturas facilmente adaptáveis, é possível configurar de diferentes formas, conforme o tipo de produto que será movimentado e estocado.

Porta Pallets - Águia Sistemas

Com o armazém verticalizado, a movimentação e o acesso aos pallets se tornam mais fáceis, ágeis e seguros. Além disso, pode ser adaptado para pequenos, médios e grandes estoques.

 

Mini Porta Pallets

É uma estrutura de alta performance no que diz respeito à capacidade de carga, flexibilidade dimensional e precisão. Sua composição leva os mesmos componentes do porta pallets, porém é voltado para cargas menores e disposições variadas.

Mini Porta Pallets - Águia Sistemas

Pode ser usado tanto para operações manuais quanto automatizadas. É um sistema que permite fácil acesso e agilidade de movimentação de estoque.

Mini Load

É um sistema de movimentação e armazenagem automáticas, dimensionado para receber caixas plásticas ou de papelão. O mini load garante alta densidade e total seletividade, sendo indicado para operações integradas a atividades de manuseio e separação de pedidos.

Mini Load - Águia Sistemas

Ele pode ser montado com um ou mais corredores, por onde os transelevadores se movimentam, além de estantes situadas em ambos os lados. O mini load possibilita um alto nível de automação e controle.

 

Mezanino

O mezanino é uma plataforma formada por colunas, vigas, travessas, pisos de diversas tipologias e acessórios. Seu uso é indicado para otimizar espaços, aumentando a área útil, já que podem ser concebidos em dois ou mais níveis.

Mezanino - Águia Sistemas

Na prática, é como se o espaço do armazém fosse dividido em dois ou três andares, feitos apenas com estruturas metálicas. Em cada um desses pisos podem ser instaladas estantes que recebem diferentes tipos de produtos.

 

Push Back

push back é uma estrutura que permite a distribuição de produtos em túneis, facilitando o acesso aos itens. Contribui para otimizar os espaços e tornar a movimentação das mercadorias mais simples e acessível.

Push Back - Águia Sistemas

É indicado para estoques que operam com o sistema LIFO (last in — first out), ou seja, o último produto que entra é o primeiro que sai. A movimentação acontece devido à presença de roletes de aço e rolamentos de precisão na estrutura e com o auxílio de empilhadeiras, que empurram os pallets através dos túneis.

O push back conta com diferentes níveis, garantindo o aproveitamento do espaço em altura e profundidade disponíveis no armazém.

 

Flow Rack

O Flow Rack é um sistema de armazenagem dinâmica, onde a mercadoria fica em um plano levemente inclinado, com a presença de pequenos roletes.

Funcionam pela ação da gravidade, tornando a reposição e o manuseio dos itens estocados mais prático e fácil. Dessa forma, o produto consegue chegar até a outra extremidade da estrutura sem precisar de equipamentos específicos, operadores ou maquinários.

Permite um fluxo direcionado de entrada e saída dos materiais. Por isso, é indicado para estoques que trabalham com o sistema FIFO (first in – first out), ou seja, o primeiro que entra é o primeiro que sai.

Flow Rack - Águia Sistemas

O Flow Rack ajuda a otimizar a operação de picking, quando usado integrado com sistemas transportadores, pick-to-light ou outros sistemas automatizados. Assim, favorece o aumento da produtividade e a redução de erros operacionais.

Também pode ser utilizado em conjunto com a estrutura de mezanino, a fim de proporcionar um melhor aproveitamento vertical.

 

Drive-in e Drive-through

Os sistemas de armazenagem drive-in e drive-through são construídos por blocos contínuos de armazenagem que proporcionam a utilização máxima disponibilizada no local, diminuindo a quantidade de corredores para a circulação de empilhadeiras.

Contribui para a otimização do espaço, pois permite que os pallets sejam armazenados sob trilhos fixados nos túneis de acesso, aproveitando sua profundidade.

Drive-in / Drive Through - Águia Sistemas

É utilizado para estocagem de grandes volumes de cargas e pouca variedade de SKUs.

No sistema drive-in as operações de entrada e saída são realizadas pelo mesmo lado da estrutura, por isso é recomendado para operações LIFO.

Já o drive-through permite que a entrada e a saída de materiais seja feita de ambos os lados, portanto pode-se trabalhar com operações LIFO ou FIFO.

 

Dinâmico

O sistema dinâmico é indicado para otimizar as operações em estoques de alta densidade ou rotatividade de cargas. Contribui para melhor organização e utilização do espaço físico, facilitando a movimentação dos materiais.

A estrutura possui pistas inclinadas, por onde os pallets deslizam sobre roletes de uma extremidade a outra. O deslocamento dos pallets é realizado pela ação da gravidade e é controlado por reguladores de velocidade (freios centrífugos).

Dinâmico - Águia Sistemas

Uma grande vantagem deste sistema é que, devido ao controle preciso da velocidade de deslocamento, a necessidade de manutenção é praticamente inexistente.

O dinâmico permite excelente controle para cargas que necessitam de acompanhamento de validade (controle de Shelf Life), já que a verificação de mercadorias é bastante simples e utiliza o sistema FIFO.

 

Autoportante para empilhadeira

É uma estrutura construída fora de um armazém, com diversos níveis de estruturas metálicas entrelaçadas, cercadas e cobertas posteriormente, como se fosse um prédio de aço. É indicada para atender às necessidades de armazenagem e movimentação de alta densidade e seletividade.

Autoportante para Empilhadeira - Águia Sistemas

O sistema autoportante para empilhadeira oferece um custo inferior que uma construção convencional e possibilita a execução da obra em menor tempo. Além disso, proporciona mais segurança e praticidade na armazenagem e movimentação de mercadorias.

 

Autoportante com transelevador 

A estrutura é construída da mesma forma que descrito no tópico anterior, porém a diferença é que a movimentação de mercadorias é feita com transelevadores.

O uso de transelevadores proporciona uma operação totalmente automatizada, com 100% de seletividade e altíssima densidade. Permite construir estruturas superiores a 35 metros, otimizando o espaço de armazenagem.

porta pallets autoportante - Águia Sistemas

O Autoportante Com Transelevador é indicado para onde se tem limitação de área ou quando se deseja automatizar completamente a operação de armazenagem e movimentação.

 

E como saber qual estrutura de armazenagem é a mais indicada? Bem, o recomendável é executar um planejamento logístico, verificando a estrutura física, os equipamentos que serão usados na operação, os mecanismos de controle do armazém que serão adotados. Além de analisar como são os fluxos de entrada e saída, os tipos de produtos, como as mercadorias são distribuídas, como é o ciclo de pedidos, entre outros aspectos.

A Águia Sistemas tem uma equipe altamente qualificada para entender suas necessidades e desenvolver um projeto totalmente customizado, oferecendo as melhores soluções de intralogística para a sua empresa. E, além destas estruturas, desenvolvemos e integramos diversas soluções para automatizar a sua operação. Entre em contato conosco para saber mais.